Ave-do-Paraíso – Características e Como cultivar para embelezar o seu jardim

Ave-do-Paraíso é o nome popular para a Estrelícia (ou estrelítzia): uma planta de aspecto bastante exótico que recebeu tal identificação como uma forma de homenagear a rainha Carlota Sofia, esposa do rei inglês George III, descendente de um pequeno ducado no norte da Alemanha – Mecklenburg-Strelitz.

Visada por sua beleza na decoração de ambientes, que tal entender quais são as características da ave-do-paraíso e como cultivar essa variedade para ter o melhor desenvolvimento?

ave-do-paraiso

[VEJA TAMBÉM: NARCISO]

Características da ave-do-paraíso

Espécie subtropical, a ave-do-paraíso é originária da África do Sul e hoje é cultivada no mundo inteiro e se destaca por seu tamanho – ela pode atingir até 2 metros de altura, embora exista uma variedade branca que alcança os 7 metros!

ave-do-paraiso branca

As aves-do-paraíso são plantas arbustivas únicas que podem ser encontradas em variadas cores: suas flores podem crescer em tons de laranja, branco, vermelho, rosa e amarelo, por exemplo.

A planta é entouceirada, rizomatosa e conta com folhas elípticas e coriáceas, de cor verde-escuro na face superior, enquanto que na parte inferior o tom pende para um verde-acinzentado.

Nas extremidades de suas hastes, as inflorescências são produzidas a partir de uma folha modificada (a bráctea) de tom avermelhado.

[VEJA TAMBÉM: TAGETES]

aves-do-paraiso

Essa bráctea envolve as flores que surgem quatro pétalas grandes em formato de seta.

Destas pétalas, duas delas são de cor alaranjada e as outras duas são azuis, que vão se abrindo sucessivamente. Inclusive, quando as flores são polinizadas, elas podem gerar frutos secos e duros que possuíram sementes.

Curiosa, a ave-do-paraíso forma flores o ano todo, mas em especial durante o verão. Suas flores são bastante duráveis e podem ser utilizadas como flor-de-corte.

[VEJA TAMBÉM: TORÊNIA]

Como cultivar ave-do-paraíso?

A ave-do-paraíso é uma planta rústica e se adéqua em seu jardim com perfeição, seja ela como opção isolada como em grupos, como no caso de decoração em maciços, bordaduras ou renques.

ave-do-paraiso em frente a casa

Para esse tipo de plantio, as variedades de porte alto são as mais procuradas. O ambiente ideal para as aves-do-paraíso requer iluminação solar plena ou meia-sombra: tenha certeza de que a planta receberá pelo menos 4 horas de sol direto todos os dias, ok?

Claro que quanto mais luz, melhor! A ave-do-paraíso prefere climas mais quentes e com alta umidade – até mesmo possui tolerância a geadas (quando não intensas).

[VEJA TAMBÉM: VERBETA]

O solo onde você for plantar as aves-do-paraíso também deve receber cuidados: garante que ele seja fértil, bem drenado e enriquecido com matéria orgânica. A rega deve ser regular, mas nunca encharcando a planta.

Durante o verão, faça duas irrigações por semana.

Você sabia que a média de surgimento de uma nova flor da ave-do-paraíso é a cada dois dias? Isso pode depender da variedade, por isso tenha paciência se demorar mais!

ave-do-paraiso em vaso

Cuidado quando for fazer a colheita da estrelícia, pois ela é quebradiça – para colher as hastes florais, utilize uma tesoura de poda ou uma faca afiada e limpa.

A propagação da ave-do-paraíso se dá por aquelas sementes que surgem em suas flores, mas para isso acontecer é necessário quebrar a “capa” que as envolve e lavá-las com ácido sulfúrico e água corrente para fazer a semeadura.

[VEJA TAMBÉM: ROSA-DO-DESERTO]

Decore o seu jardim com aves-do-paraíso para dar aquele destaque para o seu espaço – essa planta irá surpreender suas visitas.

Comente aqui se você já possui essa espécie!


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply