/* */

Tipos de Grama – Como Escolher a Mais Bonita Para o Seu Jardim!

Montar jardins ou espaços verdes em casa está em alta no mundo da decoração. Não é para menos, afinal, esse tipo de área costuma dar mais cor, alegria e vida para os ambientes.

Um dos principais materiais utilizados na composição desses espaços é a grama, que pode ser encontrada no mercado em diferentes versões. É aí que muitos entram em dúvida: afinal, qual a melhor opção?

Para ajudar a sanar essa questão, preparamos um guia completo com as informações mais importantes sobre a grama e os principais tipos mais utilizados na montagem de espaços verdes. Confira!

Principais tipos de grama

Essencialmente, os tipos de grama podem ser divididos em dois grupos: o natural e o artificial. Conheça, a seguir, um pouco mais sobre eles, suas vantagens e quando utilizá-los:

Grama natural

É a versão que exige uma constante manutenção, isto é, poda e rega. Além disso, a grama natural demanda que a área tenha uma boa iluminação, para que fique sempre verdinha e bela.

Existem diversos tipos de grama natural e a escolha da ideal depende muito do gosto pessoal e do estilo que se quer dar para o jardim / espaço verde, seja ele interno ou externo. Entre os principais tipos, destaque para:

Grama esmeralda

tipos de grama grama esmeralda

Caracteriza-se por ter folha pequena, estreita e pontuada, bem como um verde mais fechado. Tal versão costuma ser aplicada em jardins, áreas de lazer e quadras de esporte, entregando bons resultados, porque é bastante resistente a danos.

Indica-se o cultivo da grama esmeralda em locais ensolarados e em solo arenoso. Caso o seu não seja, é possível aplicar uma camada de 30 centímetros, no máximo, de areia debaixo da grama.

Grama Santo Agostinho

tipo de grama santo agostinho

A grama Santo Agostinho possui comprimento médio e cor verde escura. Por ser mais rústica, esse tipo é aplicado em áreas litorâneas ou casas no campo. Trata-se de uma grama que demanda adubações semestrais e regas regulares, podendo ser cultivada na meia sombra ou ao sol.

Grama curitibana / Grama São Carlos

tipos de gram grama curitibana grama são carlos

Grama que também é conhecida como São Carlos, este tipo se diferencia por ter folhas sem pelos, lisas e sutilmente mais largas. Além disso, essa versão cresce para o alto, de modo a formar um tapete mais denso.

A grama curitibana possui coloração verde intensa e é bastante versátil, sendo indicada para fazendas e sítios, jardins residenciais e públicos, inclusive para espaços de lazer.

Como é resistente ao frio, essa é uma grama comumente recomendada para regiões com temperaturas amenas ou baixas, permanecendo em bom estado por mais tempo.

Mas, há um ponto que deve ser considerado ao investir na grama curitibana: ela precisa ser regada uma vez por semana, pelo menos. Portanto, se não tiver tempo para isso, faça uso de outro tipo de grama.

Grama artificial

tipos de grama artificial

Trata-se da versão sintética, que é feita em plástico resistente, normalmente o polipropileno. Esta é uma opção que pode ser aplicada em quaisquer ambientes e é repleta de benefícios em curto e longo prazos, tais como:

  • Baixa manutenção, sem necessidade de realizar regas e podas frequentes. O material, inclusive, pode ser lavado, o que agiliza a limpeza do espaço e deixa mais tempo livre para realizar outras atividades;
  • Custo reduzido, seja de instalação ou de manutenção, ajudando a economizar na hora de montar e preservar o espaço verde;
  • Economia nas contas de água e energia elétrica, já que a grama sintética não demanda regas e uso de equipamentos elétricos de poda;
  • Viabilização da montagem da área verde em qualquer região do país, mesmo em estados mais frios, uma vez que não há uma dependência do clima para que a grama fique sempre bonita;
  • Garantia de um resultado mais belo logo após a instalação, porque a grama artificial tem tufagem densa, o que proporciona um visual mais impactante;
  • Ampla possibilidade de aplicação, sem demandar um preparo complexo do solo. A grama sintética pode ser instalada, por exemplo, na terra, concreto e demais superfícies planas.

Como se trata de um material que vem sendo utilizado com certa frequência em espaços residenciais, empresariais e em quadras de esporte, é fácil encontrar a grama sintética em lojas de materiais de construção ou especializadas.

Caso opte por essa versão, é interessante consultar um profissional para saber qual é a marca mais indicada para seu projeto de área verde, para assegurar um melhor resultado.


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply