Início » Pets » Conselhos de Veterinários: Como Cuidar das Patas dos Pets Durante o Verão

Conselhos de Veterinários: Como Cuidar das Patas dos Pets Durante o Verão

A estação mais quente do ano traz consigo a necessidade de atenção aumentada aos cuidados com patas dos pets durante o verão, prevenindo os riscos que o calor intenso do asfalto e outras superfícies podem apresentar. Por isso, descubra os conselhos de veterinários para seu animal de estimação não sofrer!

A sensibilidade das almofadas das patas

pessoa segurando pata de cachorro

Para os animais, as almofadas das patas, popularmente conhecidas como coxins, são vitais para o seu dia a dia.

Apesar de sua resistência adequada para suportar o peso do animal, os coxins são extremamente sensíveis ao toque e, particularmente, ao calor.

Durante o verão, o chão pode tornar-se perigosamente quente, especialmente o asfalto, elevando o risco de queimaduras nas patas dos nossos amigos de quatro patas.

Horários seguros para passear

patas de cachorro

O cuidado com os horários de passeio é crucial durante o verão.

Veterinários aconselham que passeios sejam realizados nos períodos mais frescos do dia, ou seja, antes das 10h e após as 16h.

Além disso, optar por caminhadas em áreas verdes ou sombreadas, onde o solo não retém tanto calor, pode garantir a segurança e o conforto nas patas dos pets.

Participe do nosso canal no WHATSAPP com dicas RÁPIDAS e FÁCEIS para a sua casa. Acesse ~> clicando aqui.

Proteção adicional para as patas

O uso de sapatinhos próprios para animais de estimação é uma medida adicional de proteção contra as altas temperaturas das superfícies caminhadas pelos pets.

cachorro deitado usando sapatinhos

Contudo, é essencial que os proprietários mantenham a higienização apropriada desses acessórios para evitar a proliferação de bactérias que podem levar a infecções.

Certifique-se também de que o pet esteja confortável, pois muitos podem se recusar a caminhar os usando.

Primeiros socorros e cuidados veterinários

Caso um pet sofra queimaduras nas patas, é crucial que se procure assistência veterinária imediatamente.

O tratamento pode variar desde a aplicação de cremes especiais até a administração de analgésicos e antibióticos, dependendo da gravidade da lesão.

Aliás, em situações mais sérias, pode-se até mesmo necessitar de internação para uma recuperação adequada.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

    Editora do Homeit.com.br, Bellezamoderna.com.br e Revendedor.com.br. Graduada em Comércio Internacional (UCS/RS), Marketing Digital (SENAC/RS) e atualmente estudando Ciências Biológicas (UNINTER). Fluência em Inglês e estudando Espanhol no momento. É apaixonada por palavras, natureza, tornados, heavy metal e psicologia criminal.

    Deixe seu comentário