Início » Decoração » Como usar tom sobre tom na decoração? Siga estas dicas cruciais

Como usar tom sobre tom na decoração? Siga estas dicas cruciais

O uso do tom sobre tom na decoração faz com que você saia das paletas neutras e se aventure em diferentes tonalidades, o que pode ser o que aquele ambiente sem graça está precisando.

Nesse caso, essa técnica nada mais é do que fazer uso de uma cor e aproveitar as tonalidades existentes em um mesmo espaço de sua casa.

Por isso, a ideia do tom sobre tom é para você que tem receio de ousar nas combinações, mas quer utilizar cores de forma elegante e surpreendente. Confira abaixo as dicas para que você aposte nessa ideia!

Cuidado com a escolha da cor

uso de tom sobre tom em sala de estar

Primeiramente, escolher a cor predominante é fundamental para acertar na decoração e evitar que haja qualquer exagero ou mesmo um resultado decepcionante.

Você pode optar por qualquer cor, ok? Entretanto, tenha em mente que o ideal é respeitar as necessidades do ambiente e sempre prezar pela harmonia visual.

Uma dica: considere as sensações que as cores transmitem para escolher aquela com a qual quer trabalhar.

Assim, em áreas de descanso, como o quarto, recomendamos cores e tons mais claros, que proporcionem sossego. Já para áreas mais movimentadas, como sala e cozinha, cores mais alegres são bem-vindas.

Participe do nosso canal no WHATSAPP com dicas RÁPIDAS e FÁCEIS para a sua casa. Acesse ~> clicando aqui.

Comece aos poucos

quarto com tons neutros e uso de azul em detalhes

Entendemos que você pode ter receio de começar a usar tom sobre tom na decoração. Logo, a primeira dica é justamente uma forma de experimentar essa tendência sem comprometer o ambiente inteiro com uma cor: comece adicionando pequenos elementos da mesma cor que você escolheu.

Por exemplo, você pode estilizar as almofadas do sofá da sala para criar um gradiente na mesma cor ou ainda incorporar objetos decorativos na área.

Se quiser ir um pouco mais além de primeira, que tal pintar as prateleiras da mesma cor dos itens? Com essa atitude, você notará que há significado por trás de cada peça e na presença de cada uma delas nesse móvel.

Não seja tão literal

quarto decorado em tom sobre tom

Mesmo que a decoração tom sobre tom envolva a utilização da mesma cor em todo o espaço, isso não significa que você só pode usar uma cor ou que deva usá-la em absolutamente todos os lugares da mesma maneira.

É possível adicionar cores de destaque e outros itens que fogem da cor principal de sua escolha.

O objetivo do tom sobre tom na decoração é criar uma aparência que abrace a cor principal de inúmeros jeitinhos.

Então, não tente fazer com que o ambiente pareça uma lata de tinta gigante (a menos, é claro, que esse seja o visual que você deseja).

Aposte na textura e em estampas

sala de estar com tom sobre tom usando amarelo

No tom sobre tom, a textura importa muito – e muito mais do que em um ambiente onde muitas cores diferentes são usadas. 

Sobre esse assunto, leia o post:
Como usar estampa geométrica na decoração?

Faça uso de itens que brilham ou que são texturizados para dar uma distinção entre tons. Algo brilhante, algo macio, algo protuberante, algo liso: use a criatividade nesse quesito, desde que haja uma boa mistura. 

Exemplos são o uso de tricô e veludo, que criam interesse visual na decoração e fazem com que o espaço pareça mais chique.

Tapetes, vasos, cortinas e até mesmo revestimentos podem ganhar texturas e estampas para compor uma decoração mais original.

Componha com cores neutras

sala de estar com bege em tom sobre tom

Se você não quer sair das paletas neutras, tudo bem. Você pode criar uma composição de tom sobre tom justamente com elas, afinal essa técnica pode ser realizada com praticamente qualquer cor.

Seja bege, cinza ou outra cor, como o preto, procure apostar em uma boa iluminação e em uma variedade de texturas para dar mais elegância. Use elementos decorativos que se destaquem e toques de cor.

Não esqueça das portas e janelas

espaço com tom sobre tom usando azul

O tom sobre tom não é exclusivo de paredes e móveis! As portas e janelas também podem ganhar cores e deixar o ambiente ainda mais aconchegante e personalizado.

Opte por um tom mais claro ou mais escuro na pintura da porta e nas janelas (além de prestar atenção na própria cor da cortina) ou mesmo escolha uma tonalidade que complemente a cor das paredes.

Se usar a mesma cor em todo o ambiente, a impressão será de amplitude.

Inclusive, o piso também pode receber esse tipo de decoração. Para cômodos integrados, como cozinha e sala, você pode optar em dividir os ambientes com pisos de cores diferentes – para que eles fluam de um espaço para outro, escolha tons mais claros e escuros da mesma cor.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Trabalha com escrita criativa, revisão e tradução. Fluência em Inglês e atualmente estudando Espanhol. Se formou em Comércio Internacional e Técnico em Marketing, mas está agora realizando o sonho de estudar Biologia. É apaixonada por palavras, natureza, tornados, heavy metal e psicologia forense.

Comentários fechados

Os comentários desse post foram encerrados.