Início » Plantando » Como entender a luz solar do seu quintal? Saiba como plantar com precisão e sucesso

Como entender a luz solar do seu quintal? Saiba como plantar com precisão e sucesso

Para ter plantas saudáveis, precisamos garantir luz solar, água e um bom solo. A quantidade de luz que seu quintal recebe muda ao longo do dia, afinal as sombras de plantas altas e até edifícios próximos se movem com o sol.

Grande parte das plantas prosperam com pelo menos seis horas de luz solar direto – o que chamamos de sol pleno. No entanto, algumas exigem outras condições.

Nesse caso, você precisa aproveitar ao máximo cada nível de luz em seu quintal para que as suas plantinhas cresçam da melhor forma possível. Veja como com essas dicas!

Analise a luz solar do seu quintal

quintal com plantas floridas

Em primeiro lugar, procure estudar quanta luz solar o seu quintal recebe ao longo do tempo.

Sobre o assunto, veja também:
Como organizar seu quintal sem gastar muito?

Avalie os padrões de luz a cada uma ou duas horas durante o dia, observando onde as sombras caem e por quanto tempo.

Prédios e paredes projetam sombras, assim como as árvores de seu quintal, por isso considere esses detalhes ao traçar o caminho do sol.

Participe do nosso canal no WHATSAPP com dicas RÁPIDAS e FÁCEIS para a sua casa. Acesse ~> clicando aqui.

Entenda as áreas de sol e sombra

jardim pequeno com plantas e pedrinhas

É mais fácil trabalhar com áreas que recebem luz solar quase o dia todo, pois você pode contar com a variação de intensidade da iluminação conforme a hora do dia, como a luz da manhã que é mais suave, por exemplo.

Já no caso da sombra, você pode encontrar locais onde a sombra é muito fechada, o que sugere um cuidado maior com as plantas que você quer incluir nesse espaço.

Combine locais de sombra profunda com plantas que não exigem luz solar direta para se desenvolverem.

A sombra “manchada” pode ser encontrada sob as árvores, onde as folhas filtram a luz do sol e lançam um brilho variável. 

Há alguns tipos de árvores que oferecem sombras sazonais e esparsas, que permitem sombra decente durante os meses de verão. 

Galhos sem folhas fornecem o local perfeito para plantas efêmeras (possuem curtos ciclos de vida). Conforme as copas das árvores se enchem e a sombra se aprofunda, as flores desaparecem.

Logo, não esqueça: à medida que o sol segue sua rota, os padrões de sombra também mudam. Tais padrões ajudam a decidir como escolher e situar suas plantas no jardim.

Aprenda os requisitos de luz de suas plantas

quintal pequeno com vasos de plantas

Cada planta possui suas preferências de iluminação para um bom crescimento. De modo geral, existem as opções de sol pleno, sol parcial, sombra parcial ou sombra total.

  • Sol pleno: para plantas que requerem pelo menos seis horas por dia de luz de sol direta;
  • Sol parcial/sombra parcial: referem-se às plantas que devem receber de três a seis horas de sol diárias, sendo de preferência na parte da manhã ou final da tarde.

No resto do tempo, suas plantas podem ficar na sombra ou em sombras “manchadas”.

  • Sombra total: são para plantas que precisam de menos de três horas de sol direto diariamente.

Podemos descrever situações em sobras de uma árvore, onde a luz penetra brevemente em algum ponto durante o dia.

Procure remover alguma sombra

quintal com vasos de plantas

Como a luz disponível é flexível, você pode remover galhos inferiores se perceber que eles estão oferecendo sombras muito densas.

Realizando essa ramificação, você ajuda a levantar a copa da árvore – esse desbaste seletivo pode aumentar a luz no solo.

Outra dica para remover certas sombras é substituir cercas por treliças cobertas de trepadeiras.

Troque suas plantas de lugar

plantas em vasos no jardim

Quando suas plantas estão recebendo muita ou pouca luz solar conforme a necessidade delas, você notará sinais positivos claros: folhas com menor distância dos nós no caule, além de um crescimento mais compacto e firme.

Por outro lado, se os nós estão espaçados, mesmo que a planta pareça mais alta, isso sinaliza estiolamento. 

Além disso, há outros sinais de alerta que você deve ficar de olho: cores menos fortes, vida mais curta e falta de florescimento. 

Veja se consegue transplantar suas plantinhas para outro lugar. Plantas em vasos são mais fáceis de serem realocadas, é claro.

A grande maioria delas é resistente a mudanças (se estivermos falando de plantas cultivadas diretamente no solo), ainda mais se for para um espaço mais saudável para seu desenvolvimento.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Editora do Homeit.com.br, Bellezamoderna.com.br e Revendedor.com.br. Graduada em Comércio Internacional (UCS/RS), Marketing Digital (SENAC/RS) e atualmente estudando Ciências Biológicas (UNINTER). Fluência em Inglês e estudando Espanhol no momento. É apaixonada por palavras, natureza, tornados, heavy metal e psicologia criminal.

Deixe seu comentário