Como organizar a casa para a chegada do bebê; uma lista para esse momento tão importante

Descubra como organizar a casa para a chegada do bebê, com dicas do que você deve fazer e ter para garantir um ambiente bonito e funcional.

O momento da chegada do bebê é um dos mais aguardados pelos pais! Não é para menos, afinal, o bebê transforma totalmente a vida de ambos.

Para que esse processo ocorra de maneira muito mais fácil, é importante organizar sua casa para a chegada do bebê. No entanto, não é todo pai que sabe como fazer isso, principalmente os marinheiros de primeira viagem.

Esse é o seu caso? Então, confira aqui dicas para preparar seu lar para receber seu bebê, deixando-o completo e seguro, de modo a lhe dar suporte nas rotinas do dia a dia.

1. Reforme o quarto do bebê

Como organizar a casa para a chegada do bebê; uma lista para esse momento tão importante

Seu imóvel já tem um cômodo perfeito para funcionar como o quarto do bebê? Então, é só reformá-lo! O ideal é eliminar eventuais marcas de mofo e infiltração, pois podem ser prejudiciais ao bebê, aumentando o risco de contração de doenças respiratórias.

Além disso, verifique se instalações elétricas estão em bom estado, para minimizar o risco de curto. Também verifique janelas e portas, se estão se abrindo com facilidade, sem fazer muito barulho. Esse cuidado ajudará a evitar acordar seu pequeno sem querer.

Durante a reforma, escolha detalhes decorativos como cor da parede, uso de papel de parede ou troca de revestimento do piso. Utilize sempre alternativas de fácil manutenção, para simplificar o trabalho de limpeza.

2. Monte o quarto infantil perfeito

quarto de bebê decorado

O quarto infantil perfeito é aquele que tem tudo o que os pais e o bebê precisarão no dia a dia. O ideal é montar uma lista de móveis essenciais e focar nela. Se sobrar espaço no quarto, dá para investir em móveis acessórios.

E quais são os móveis essenciais para quarto infantil? É muito importante investir em um berço de qualidade e seguro. Se possível, compre um que vira cama, podendo utilizar esse móvel por mais tempo conforme o bebê cresça.

Também é importante garantir um guarda-roupa e uma cômoda para armazenar itens do enxoval do bebê. Inclusive, a parte superior da cômoda pode ser utilizada como trocador de fralda, caso tenha interesse em comprar um. Assim, dá para economizar.

Outros investimentos que valem a pena é uma poltrona de amamentação, que deve ser confortável e prática para abrigar o bebê e a mãe. Se preferir, dá para substituir a poltrona por um sofá cama, garantindo um móvel confortável para que os pais passem a noite no quarto do bebê, caso haja necessidade.

3. Invista em acessórios de decoração

quarto de bebê

Os acessórios de decoração transformam o quarto infantil, garantindo um resultado incrível. A dica é apostar em peças como cortinas e tapetes, que melhoram a acústica do cômodo. A cortina, especificamente, barra a entrada do excesso de luz externa no quarto, bem como de correntes de vento, evitando que o bebê adoeça.

Também aposte em almofadas, bichos de pelúcia como objetos de decoração, balões, entre outros detalhes que tornam o ambiente mais lúdico.

4. Acerte nas cores da decoração

quarto de bebê rosa

Ao montar a decoração do quarto infantil, é importante acertar nas cores utilizadas. De maneira geral, recomenda-se o uso de cores neutras e claras, como o branco, bege e cinza claro. Também dá para apostar numa decoração com tons pastel.

Não se indica usar cores vibrantes porque elas funcionam como estimulantes visuais. Por isso, podem dificultar que seu bebê pegue no sono, o que pode prejudicar sua saúde. Portanto, evite essas tonalidades.

5. Use protetores de tomada e de quina

protetor de tomada para quarto de bebê

Os protetores de tomada e de quina também são itens essenciais, ajudando a reduzir o risco de acidentes domésticos.

Os de tomada bloqueiam o acesso à eletricidade, impedindo choques. Já os de quina evitam machucados em impactos com móveis.

6. Tenha travas de segurança para portas e gavetas

trava de segurança para quarto de bebê

Conforme o bebê cresce, tudo se torna novidade para eles, inclusive portas e gavetas de móveis. É justamente aí que está o perigo, pois há o risco de machucar seus dedos e de tornar o ambiente uma verdadeira bagunça.

Por isso, tenha travas de segurança em todos os móveis, seja os da criança ou de outros cômodos da casa. É especialmente importante utilizá-las em armários com produtos de limpeza.

7. Instale grade de proteção em escadas

grade de proteção para escadas

Se morar em um imóvel com escadas, instale grades de proteção em todas elas, tanto na subida como na descida.

Dessa forma, conseguirá evitar quedas quando o bebê começar a engatinhar ou andar.

Gestor de Projetos e Pessoas da WebGo Content. Especialista em SEO e novos Projetos. Formado em Relações Públicas (PUC/PR) e experiência de mais de 10 anos no Marketing Digital.

Participe dos nossos grupos

FacebookEntre para nosso GRUPO!

Faça parte da nossa comunidade de DECORAÇÃO e ORGANIZAÇÃO

Deixe seu comentário