/* */

Piscina de vinil – Vale a pena? Quais as vantagens e desvantagens?

O verão está chegando e nada melhor do que ter uma piscina para se refrescar nos momentos de lazer e diversão. Os modelos de vinil são uma das opções mais atraentes para quem deseja ter um espaço desses, no entanto, existem muitas dúvidas quanto as vantagens e desvantagens desse tipo de material.

Muitas vezes, as piscinas de vinil são confundidas com as piscinas de fibra, que são aquelas que já vêm prontas de fábrica, onde são encaixadas no terreno. Já as de vinil, precisam ser construídas dentro do espaço onde serão instaladas.

A base desse tipo de piscina é iniciada da mesma forma que as de alvenaria, como uma escavação feita no formato que seja desejado, após isso, são instalados as tubulações e construído as paredes com concreto.

Piscina de vinil

Logo após, é aplicado o vinil – que é como uma lona, feito com a medida correta da arquitetura do tanque. Portanto, não é necessário que as paredes sejam revestidas de cerâmica, ou qualquer outro material.

Na instalação é necessário que sejam o uso de equipamentos apropriados para evitar que ocorra a criação de bolhas e falhas, então no momento que a água é colocada, o material vai sendo fixado e por meio do vácuo criado, se mantem esticado.

Vantagens da piscina de vinil

Além da liberdade de poder escolher qualquer formato da piscina, o vinil oferece diversas vantagens:

1 – Versátil para qualquer design e formato: o vinil pode ser comprado com um desenho escolhido e personalizável, a imitação de pastilhas é o mais comum, mas pode ser substituído por qualquer coisa, desenhos e cores. E por ser confeccionado por um material flexível, o material acompanha as curvas e ângulos do espaço.

2 – Preço baixo e manutenção fácil: o preço pode variar com o metro quadrado, mas a média gira em torno de R$80,00 a R$100,00 o m².

Já a manutenção é feita de forma simples, já que qualquer tranca ou vazamento pode ser concertado com a piscina cheia através de um kit de vinil. Mais abaixo, falaremos mais sobre os cuidados que devem ser feitos com a piscina de vinil.

3 – Instalação rápida: a instalação desse tipo de piscina costuma ser mais rápida do que as de concreto, uma vez que, não necessita de pastilhas para compor a sua superfície.

Desvantagens da piscina de vinil

Assim como todo produtos, existem os prós e contras, os modelos de vinil também apresentam pontos negativos:

1 – Fragilidade: como o tipo de produto é maleável e frágil, é importante que objetos pontiagudos sejam evitados, já que podem rasgar, furar e prejudicar o material.

2 – Impermeabilização: esse tipo de material necessita de produtos específicos para a impermeabilização da piscina, já que produtos abrasivos podem danificar o material.

Piscina de vinil

Cuidados com a sua piscina

Se esse foi o tipo de piscina escolhida, é importante que tenha em mente que serão necessários alguns cuidados para manter o material em ótimo estado.

O forro, por exemplo, por ser feito com um material sensível é comum que ocorram rasgos e cortes, para isso é necessário ter cuidado com objetos cortantes ao redor da piscina, e o material deve ser trocado a cada 10 anos.

O uso excessivo do cloro também é algo que pode comprometer a qualidade do material, pois pode desbotar a cor e ressecar o vinil, portanto é indicado que os produtos químicos sejam sempre diluídos em água antes de serem jogados na piscina.

Na hora da instalação, também é importante que a água preencha rapidamente o espaço, é indicado o uso de um caminhão-pipa muitas vezes, pois se o vinil não for rapidamente esticado, podem ocorrer rugas no material.


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply