Qual é a simbologia do anão de jardim; inclua no décor externo

Veja aqui qual é a simbologia do Anão de Jardim e saiba como usar esse elemento na decoração da parte externa da sua casa!

O hábito de utilizar anões de jardim como elementos decorativos remonta ao século XVII. Se você quer saber mais sobre a história e simbologia desses objetos, veja aqui tudo sobre o anão de jardim, e inclusive como usá-lo na sua decoração!

Nesse período, a Europa enfrentava crises sociais e econômicas, e as pessoas buscavam elementos mágicos e lendários para trazer esperança e proteção aos seus lares. Nos anos 1930, o lançamento do filme Branca de Neve e os Sete Anões da Disney popularizou ainda mais essa tradição. 

simbologia do anão de jardim

Qual é a simbologia do anão de jardim?

Os anões de jardim são considerados seres mágicos e protetores. Acredita-se que sua presença nos jardins possa trazer bons sentimentos, especialmente em tempos difíceis.

Eles simbolizam a esperança, a fertilidade e a harmonia com a natureza. Além disso, essas estátuas são associadas à nostalgia, remetendo às histórias de contos de fadas e à infância.

No período da Renascença na Europa, as figuras dos anões se tornaram mais populares e foram retratadas como criaturas mágicas. Desde então, sua fabricação se espalhou por diversos países no continente.

Como os anões de jardim surgiram?

As origens da tradição de utilizar anões de jardim remontam a muitos séculos atrás. Durante a Roma Antiga, as pessoas já colocavam pequenas estátuas de pedra em seus jardins para representar o deus greco-romano Príapo, considerado o deus da fertilidade e protetor do solo.

No período Renascentista, as descrições de anões como criaturas mágicas começaram a surgir. No início do século XVIII, as figuras conhecidas como “gobbis” eram representadas como pequenas estátuas semelhantes a humanos, porém em tamanho reduzido.

Participe do nosso canal no WHATSAPP com dicas RÁPIDAS e FÁCEIS para a sua casa. Acesse ~> clicando aqui.

Na Alemanha, essas estátuas estavam associadas às histórias tradicionais de anões que ajudavam nas minas ou na agricultura, o que impulsionou ainda mais a popularização desse tipo de decoração.

A fabricação de anões de jardim se espalhou por toda a Europa, especialmente na Alemanha, França e Reino Unido. Até o início do século XX, essas pequenas estátuas já eram populares em diversos países.

Por que os anões de jardim ficaram tão populares?

A popularização dos anões de jardim se deu principalmente após o lançamento do filme Branca de Neve e os Sete Anões da Disney, nos anos 1930. O longa-metragem revisitou a figura dos sete anões e fez com que essas estátuas se tornassem ainda mais presentes no imaginário das pessoas.

Ademais, a tradição de utilizar anões de jardim como decoração remete a um passado mágico e lúdico. Essas estátuas trazem consigo o encanto dos contos de fadas e nostalgia da infância, o que desperta o interesse e a simpatia de muitas pessoas.

Como usar o anão de jardim na decoração externa?

O uso de anões de jardim na decoração externa é controverso atualmente, e especialistas em paisagismo recomendam que sejam consideradas alternativas mais harmoniosas, como o uso de fontes, cascatas, esculturas e plantas coloridas.

No entanto, caso o cliente opte por utilizar esses artefatos, sugere-se usar com moderação para evitar exageros visuais e obstáculos no caminho.

simbologia do anão de jardim

É importante levar em consideração o estilo do jardim ao escolher um anão de jardim, buscando cores e formas que se harmonizem com o ambiente. Evitar que o elemento decorativo destoe do restante da composição é essencial para criar um visual equilibrado e esteticamente agradável.

Vale ressaltar que anões de jardim também podem ser utilizados de maneira criativa, como inspiração para luminárias. Durante a Semana de Design de Milão, foram apresentadas luminárias inspiradas em anões de contos de fadas, que trazem cores vivas e visam adicionar leveza e vivacidade aos ambientes.

Por fim, é importante buscar um equilíbrio na composição do ambiente e considerar o estilo do jardim ao escolher um anão de jardim. A tradição de colocar anões de jardim tem suas raízes na Roma Antiga, onde pequenas estátuas de pedra representavam o deus Príapo.

Redator do Grupo WebGo para o site HomeIt. Aqui, escrevo sobre assuntos que variam desde plantas e jardinagem até decoração de casas. Nesse trabalho, procuro ajudar todas as pessoas que buscam por um estilo de vida melhor e que querem dar um up na sua casa.

Deixe seu comentário