Cimento queimado – Onde e como aplicar? Vale a pena? Principais cuidados e resultados esperados

O cimento queimado se tornou um dos principais revestimentos utilizados em acabamentos de imóveis residenciais. Não é para menos, afinal, é muito democrático e versátil, conseguindo se adaptar a diferentes estilos de decoração.

Aqui, você confere um guia completo sobre o cimento queimado, com indicações de onde e como aplicar, cuidados e resultados esperados! Acompanhe!

sala cimento queimado

O que é cimento queimado?

Trata-se de um revestimento feito com cimento, areia e água. Ele é aplicado sobre a superfície e então tem início o processo de queima, no qual se joga o pó de cimento sobre a massa ainda fresca. Depois, é só nivelá-la com uma desempenadeira de aço.

Para facilitar o trabalho de profissionais e não profissionais, o mercado de construção civil lançou misturas prontas para aplicação do revestimento cimento queimado. Além disso, há tintas que imitam esse efeito, simplificando ainda mais a aplicação.

Onde e como aplicar o cimento queimado?

O revestimento de cimento queimado pode ser aplicado no piso ou em paredes, bem como no teto. Esses são os locais mais tradicionais de uso do material, dando um toque moderno para o acabamento do imóvel.

Um de seus diferenciais é o fato de ser aplicado uniformemente, sem necessidade de rejunte. Além disso, é muito mais barato que revestimentos tradicionais como o porcelanato.

Há, ainda, a possibilidade de aplicar o cimento queimado em bancadas, lavabos e banheiros, sendo importante fazer a impermeabilização para fechar os poros do material e evitar que absorva água.

E como aplicar o cimento queimado, especificamente? O processo é mais simples do que muitos pensam! Se for pelo jeito tradicional, deve-se preparar uma argamassa, aplicá-la sobre a superfície sem umidade e depois jogar o pó de cimento sobre a massa fresca, nivelando tudo com uma desempenadeira.

Caso queira ter maior praticidade na aplicação, compre revestimento de cimento queimado já preparado e siga as orientações do fabricante para utilização do produto corretamente, evitando a possibilidade de erro. Essa mesma dica vale para tintas que imitam o efeito de cimento queimado.

Cimento queimado vale a pena?

Está em dúvida se aplica o revestimento de cimento queimado em seu imóvel e se ele realmente vale a pena? Se quiser um acabamento moderno e rústico ao mesmo tempo, essa alternativa é perfeita.

Além disso, o revestimento apresenta vantagens especiais, como uma aplicação uniforme e sem rejuntes, que dá sensação de amplitude ao local. Por isso, tem-se a sensação de que o espaço é maior.

O material também se destaca por ter facilidade de manutenção e limpeza, principalmente quando impermeabilizado. Outra vantagem muito importante é que ele possui preço muito acessível em comparação a revestimentos mais tradicionais como o porcelanato.

Logo, se quiser um revestimento que consiga unir beleza, modernidade, facilidade de manutenção e higienização a um preço acessível, sim, vale a pena investir no cimento queimado.

Para ter um excelente resultado, é muito importante que o revestimento seja aplicado por um profissional. Mas caso queira fazer por conta própria, também é possível.

Cimento queimado: quais resultados esperar?

Como sua aplicação é feita de maneira inteiriça, sem divisões e rejuntes, a impressão que se tem é de que o ambiente é maior. Isso faz a diferença principalmente em cômodos pequenos, contribuindo para que se tenha uma sensação de amplitude.

Há várias opções de cor de cimento queimado, com graduações de tons cinzas, bem como versões coloridas. Se optar por tons neutros, como o cinza, o ambiente fica mais sóbrio e elegante. Caso utilize o cimento queimado colorido, a área ganha uma característica mais irreverente e despojada.

Vale lembrar que se trata de um revestimento frio, mas é possível equilibrar essa característica utilizando acessórios e móveis que passam uma sensação de aconchego e conforto. Os móveis de madeira e os acessórios de tecido macio ao toque são excelentes alternativas.

Além disso, é importante citar que o cimento queimado possui um bom nível de porosidade. Se for aplicá-lo no piso, em bancadas ou em áreas úmidas e molhadas, faça uma impermeabilização para evitar que o material absorva a água e tenha problemas no futuro.

Caso não queira um ambiente completamente revestido de cimento queimado, experimente utilizar o material em detalhes do cômodo, como em uma parede de destaque da área.

Deixe seu comentário