Início » Plantando » Aprenda a cuidar de plantas pendentes com essas dicas simples e práticas

Aprenda a cuidar de plantas pendentes com essas dicas simples e práticas

As plantas pendentes são uma ótima opção para quem quer trazer mais vida e beleza para a sua casa ou jardim. Elas podem ser cultivadas em vasos, cestas, suportes ou até mesmo em garrafas pet. Mas como cuidar de plantas pendentes da forma correta? Quais são os cuidados básicos que elas exigem? Tire suas dúvidas agora mesmo!

Escolha as plantas pendentes adequadas para o seu ambiente

plantas pendentes perto de janela

Em primeiro lugar, antes de comprar ou plantar as suas plantas pendentes, é importante saber quais são as espécies mais adequadas para o seu espaço. 

Algumas plantas pendentes preferem locais com mais luz, outras com mais sombra. Outras precisam de mais água, outras de menos. Já certas opções são mais resistentes ao frio, outras ao calor. 

Por isso, pesquise sobre as características das plantas pendentes que você deseja cultivar e veja se elas se adaptam bem ao seu clima e à sua casa.

samambaia pendente

Por exemplo, a samambaia, jiboia, hera, peperômia, flor-de-maio, orquídea e violeta são plantas pendentes que se dão muito bem em ambientes internos. Em contrapartida, se a intenção é deixá-las na área externa, opte pela petúnia, begônia, gerânio, verbena, amor-perfeito, etc.

Regue as plantas pendentes na medida certa

clorofito em vaso pendente

Um dos cuidados mais importantes para cuidar de plantas pendentes é a rega. 

As plantas pendentes tendem a secar mais rápido do que as plantas em vasos normais, pois elas ficam mais expostas ao vento e ao sol.

Participe do nosso canal no WHATSAPP com dicas RÁPIDAS e FÁCEIS para a sua casa. Acesse ~> clicando aqui.

Dessa forma, é preciso regá-las com mais frequência, mas sem encharcar a terra. O excesso de água pode causar o apodrecimento das raízes e o surgimento de fungos e doenças.

No entanto, a frequência e a quantidade de água dependem do tipo de planta, do tamanho do vaso, do clima e da estação do ano. Uma forma de saber se a planta precisa de água é tocar na superfície da terra com o dedo. Se ela estiver seca, é hora de regar. Se ela estiver úmida, espere mais um pouco. 

suculentas-pendentes

Caso ela esteja encharcada, retire o excesso de água e deixe a planta em um local arejado.

Aliás, uma dica para regar as plantas pendentes é usar um regador com bico longo ou uma mangueira com jato fino, para alcançar a terra sem molhar as folhas e as flores. 

Procure fazer a rega pela manhã ou no final da tarde, evitando os horários de sol forte, para evitar queimaduras nas folhas.

Adube as plantas pendentes regularmente

peperômia pendente no banheiro

As plantas pendentes também precisam de adubação para se desenvolverem bem e produzirem flores. 

Isso porque a adubação fornece os nutrientes essenciais para as plantas, como nitrogênio, fósforo e potássio. A falta ou o excesso de adubo pode prejudicar a saúde e a beleza das plantas.

Do mesmo modo que a rega, a frequência e o tipo de adubo dependem da espécie da planta, da época do ano e do tipo de solo. 

planta pendente em banheiro

Em geral, recomenda-se adubar as plantas pendentes a cada dois ou três meses, usando um adubo orgânico ou um fertilizante específico para plantas floríferas. Siga as instruções da embalagem e aplique o adubo na terra, sem encostar nas folhas e nas raízes.

Uma recomendação é fazer uma poda leve antes da adubação, para estimular o crescimento de novos ramos e flores. Outra dica é misturar o adubo com um pouco de água e borrifar nas folhas, para aumentar a absorção dos nutrientes.

Pode as plantas pendentes quando necessário

vaso pendente com colar-de-golfinhos

A poda é outro ponto essencial para cuidar de plantas pendentes, afinal, ela serve para remover as partes secas, doentes ou danificadas das plantas. Além disso, é capaz de melhorar a circulação de ar e de luz, controlar o tamanho e o formato delas e também estimular a floração.

Procure atentar-se à frequência e a forma de poda, pois isso varia da espécie, do objetivo dessa tarefa e da estação do ano, ok? 

vaso pendente com amor-perfeito

Entretanto, a recomendação geral é podá-las no final do inverno ou no início da primavera, antes do período de crescimento e floração. Use uma tesoura de poda afiada e limpa e corte os ramos na diagonal, logo acima de um nó ou de uma folha.

Se quiser, pode aproveitar os ramos cortados para fazer novas mudas. Basta colocar os ramos em um copo com água e esperar que eles enraízem. Depois, é só plantá-los em um novo vaso ou cesta.

Proteja as plantas pendentes das pragas e doenças

petúnias em vaso pendente

As plantas pendentes, assim como as outras plantas, podem ser atacadas por pragas e doenças, que podem comprometer a sua saúde e a sua beleza. 

As pragas mais comuns são os insetos, como pulgões, cochonilhas, ácaros e lagartas. Já quanto às doenças, as mais comuns são causadas por fungos, bactérias e vírus, que podem provocar manchas, mofos, ferrugens e murchas nas plantas.

Assim, a prevenção é a melhor forma de proteger as plantas pendentes das pragas e doenças. 

Algumas medidas preventivas são: 

  • Escolher plantas saudáveis e resistentes; 
  • Manter a higiene dos vasos e das ferramentas;
  • Evitar o excesso de água e de adubo; 
  • Proporcionar boa ventilação e iluminação; 
  • Fazer a rotação de plantas.
plantas pendentes em sala de estar

Se as plantas pendentes já estiverem infectadas, é preciso agir rapidamente para evitar que o problema se espalhe. 

Para combater, remova as partes afetadas, lave as plantinhas com água e sabão neutro, aplique inseticidas ou fungicidas (naturais ou químicos) e isole as plantas doentes das saudáveis.

Enfim, cuidar de plantas pendentes pode ser uma atividade muito prazerosa e gratificante. 

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 2

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Editora do Homeit.com.br, Bellezamoderna.com.br e Revendedor.com.br. Graduada em Comércio Internacional (UCS/RS), Marketing Digital (SENAC/RS) e atualmente estudando Ciências Biológicas (UNINTER). Fluência em Inglês e estudando Espanhol no momento. É apaixonada por palavras, natureza, tornados, heavy metal e psicologia criminal.

Deixe seu comentário