Início » Decoração » 7 ideias de decoração sustentável para você adotar em seu lar; arrase na criatividade

7 ideias de decoração sustentável para você adotar em seu lar; arrase na criatividade

Confira sete ideias de decoração sustentável para implementar em sua casa, fazendo escolhas de menor impacto na natureza!

A decoração sustentável é uma das alternativas para montar um lar completo, funcional, bonito e ainda proteger o meio ambiente.

Quer apostar nessa opção, mas não sabe como montar uma decoração sustentável? Sem problemas! Aqui, você confere sete ideias para colocar essa proposta em prática, arrasando na criatividade. Acompanhe!

O que é decoração sustentável?

7 ideias de decoração sustentável para você adotar em seu lar; arrase na criatividade
7 ideias de decoração sustentável para você adotar em seu lar; arrase na criatividade

A princípio, é importante saber o que é decoração sustentável. Trata-se de uma alternativa que faz uso consciente de recursos naturais. O foco é evitar danos extensos à natureza, bem como desperdícios, contribuindo para que recursos existam no futuro.

7 ideias para montar uma decoração sustentável

A decoração sustentável pode ser adotada de diferentes formas, contribuindo positivamente com o meio ambiente. A seguir, damos sete sugestões de como implementá-la em seu lar. Confira e se inspire!

1. Invista em móveis de madeira sustentável ou de demolição

A madeira sustentável é a que tem origem no consumo e extração consciente, vinda direto do reflorestamento. Dessa forma, é possível reduzir impactos ambientais, evitando o desmatamento de florestas nativas.

aparador de madeira sustentável
aparador de madeira sustentável

Já a madeira de demolição é a mesma utilizada em construções antigas. Neste caso, ela é reaproveitada, evitando seu descarte na natureza. Trata-se de uma alternativa sustentável, que produz móveis duráveis e resistentes a danos.

mesa de centro de madeira de demolição
mesa de centro de madeira de demolição

Esses dois tipos de madeira são perfeitos para decorações rústicas, como as que são utilizadas na sala ou no quarto. Móveis confeccionados com esses materiais têm longa vida útil, permanecendo por gerações na família.

Participe do nosso canal no WHATSAPP com dicas RÁPIDAS e FÁCEIS para a sua casa. Acesse ~> clicando aqui.

2. Reaproveite móveis, embalagens, tecidos e demais materiais

Lembre-se que jogar fora móveis e demais materiais gera lixo. Dependendo do tipo do material, ele pode demorar anos para se decompor. Então, antes de jogá-los fora, que tal avaliar se dá para reaproveitá-los?

No caso dos móveis, dá para reformá-los, consertando partes de ferragens. Para garantir um melhor acabamento, considere pintá-los ou restaurá-los à sua aparência original.

reaproveitamento de caixotes na decoração
reaproveitamento de caixotes na decoração

Também verifique se consegue aproveitar sobras de tecidos para fazer capas de almofadas, bem como embalagens para fazer criar de artesanato. Você pode, por exemplo, usar garrafas de vidro como vasos, garantindo muito mais charme para sua decoração.

arranjo de flores com garragas de vidro pintadas
arranjo de flores com garragas de vidro pintadas

O grande diferencial dessa alternativa é que dá para personalizar a decoração do seu lar, deixando-o ainda mais original e criativo sem gastar muito.

3. Invista em técnicas de DIY

A sigla DIY significa Do It Yourself, que é o famoso “faça você mesmo”. Trata-se de uma forma de reaproveitar materiais para construir móveis ou itens de decoração.

Ótimos exemplos disso são os móveis confeccionados com pallets, como as camas, sofás e mesas. Também dá para fazer móveis com caixotes de feira, garantindo um visual incrível para o ambiente.

prateleiras de pallets
prateleiras de pallets

Neste caso, é só dar asas à sua criatividade e buscar formas diferentes de fazer móveis e itens de decoração, reaproveitando o que já possui ou reutilizando materiais que seriam jogados no lixo.

4. Use materiais biodegradáveis

Os materiais biodegradáveis se destacam por ter um processo de decomposição mais acelerado, sem permanecer por muitos anos no meio ambiente.

escova de dente de bambu
escova de dente de bambu

Há vários exemplos de materiais biodegradáveis. Especialmente no que se refere aos tecidos, prefira os naturais aos sintéticos. Tecidos naturais como o algodão e o linho são melhores alternativas do que os sintéticos. O poliéster, por exemplo, é fabricado a partir do petróleo e sua produção causa um maior impacto na natureza.

5. Aposte no minimalismo

Uma das principais características do minimalismo é focar somente no necessário, evitando exageros. Além disso, esse estilo de decoração prega que devemos comprar menos e melhor.

sala de estar minimalista
sala de estar minimalista

Na prática, isso significa que o foco é comprar produtos de qualidade, que realmente serão utilizados e que durem muito tempo. Tais características têm tudo a ver com a decoração sustentável, evitando desperdícios e geração de lixo.

6. Aproveite a luz natural

quarto com boa iluminação natural
quarto com boa iluminação natural

Recursos naturais são preciosos e valorizados na decoração sustentável. Por isso, nada de fechar as janelas do imóvel!

O ideal é deixá-las abertas e usar cortinas claras, para aproveitar essa luminosidade e evitar o consumo de luz artificial durante o dia.

7. Automatize

Uma decoração sustentável não significa que o ambiente é arcaico. Inclusive, recomenda-se a automação residencial, investindo em uma casa inteligente.

casa inteligente
casa inteligente

Utiliza-se luzes que se acendem ou apagam automaticamente, controle automatizado de eletrodomésticos para evitar o consumo elevado de energia elétrica, além do sistema de bloqueio de vazamentos de água para não ter desperdícios.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Gestor de Projetos e Pessoas da WebGo Content. Especialista em SEO e novos Projetos. Formado em Relações Públicas (PUC/PR) e experiência de mais de 10 anos no Marketing Digital.

Deixe seu comentário