5 coisas que todo dono de cachorro PRECISA saber; a 3ª mexe muito comigo

Descubra cinco coisas essenciais que todo dono de cachorro precisa saber e aprenda a cuidar melhor de seu pet!

Está pensando em ter um cachorro? Então, é importante conhecer detalhes especiais sobre cuidar do animal de estimação, para simplificar rotinas e garantir mais qualidade de vida para o cão.

Para lhe ajudar, separamos cinco coisas que todo dono de cachorro precisa saber. Confira quais são e cuide melhor de seu animal de estimação!

1. Deixe as visitas ao veterinário em dia

5 coisas que todo dono de cachorro PRECISA saber; a 3ª mexe muito comigo

As visitas ao veterinário são muito importantes para a saúde do cachorro, inclusive para ter orientação de um profissional sobre como cuidar de seu pet. Portanto, não as deixe para depois.

Nessas visitas, o veterinário indica quais medicações o cachorro precisa tomar para evitar doenças, quais vacinas são essenciais, entre outros cuidados que o dono do pet precisa ter com o animal.

Além disso, antes de dar qualquer medicamento ao cachorro é importante consultar o veterinário, para saber se há algum problema e se pode ocorrer interação com outro fármaco que esteja utilizando.

2. Ter cuidados com a alimentação é essencial

cachorro com tigelas de água e ração

É muito importante ter cuidados com a alimentação do cachorro, seguindo à risca as orientações do veterinário. Portanto, se ele parar ao seu lado olhando com cara fofa enquanto você come um lanche, resista e não dê um pedaço a ele.

Alguns alimentos comemos têm temperos e ingredientes que podem fazer mal e intoxicar gravemente os cachorros. O chocolate é um ótimo exemplo disso, pois tem alto poder de ser prejudicial ao pet dependendo do seu porte.

O chocolate tem teobromina, que é um composto metabolizado pelo organismo humano, mas não pelo do cachorro. Por isso, é tóxico e pode levar a óbito.

A alimentação do cachorro deve ser própria para o pet. A ração seca é uma das principais fontes de nutrientes do cãozinho e para escolhê-la é simples, basta considerar o porte e idade do animal.

Essa recomendação é feita porque em cada fase da vida o cachorro precisa de determinados tipos de nutrientes, por isso a ração deve ser modificada.

A quantidade da ração varia de acordo com o peso do cachorro e nível de exercícios físicos que ele faz. Normalmente, é possível verificar na própria embalagem a porção ideal. Ela deve ser seguida fielmente, pois se o pet comer demais pode ficar obeso, com uma maior tendência ao surgimento de doenças.

3. Mantenha as despedidas curtas e agradáveis

cachorro com pata erguida

Os cachorros conseguem ler emoções e linguagem corporal de seu dono facilmente. Portanto, se notar algo triste, pode ser que fique mais ansioso quando você sair.

Por isso, é fundamental tornar as despedidas curtas e agradáveis. Não arraste o adeus ao sair de casa, mantenha a calma e o mesmo tom que trata seu bicho de estimação ao longo do dia.

Dê ao cachorro um agrado, como um petisco ou seu brinquedo favorito, ao sair, para que faça uma associação positiva com sua partida. Assim, é possível evitar estresse e ansiedade no animal.

4. Dê uma atenção especial ao sono do pet

cachorro dormindo

Ter um sono de qualidade é importante não só para os humanos, mas também aos cachorros. Por isso, deve-se acompanhar se o pet tem dificuldade para dormir. Em caso positivo, verifique se sua cama é compatível com seu porte e se é confortável.

Caso o animal goste se dormir espalhado, uma cama grande é melhor. Se preferir dormir enrolado num canto, as caminhas com encostos ao redor são os melhores investimentos.

Alguns cachorros têm mais calor e, neste caso, preferem caminhas com colchões mais finos, que ficam próximos ao chão. Além disso, cães de grande porte se acomodam melhor em camas suspensas, devido ao seu peso.

Se seu pet gostar de dormir coberto e praticamente escondido, ele pode amar tocas e casinhas para cachorro, tendo maior facilidade de dormir nelas.

5. Deixe uma plaquinha de identificação no cachorro

cachorro com plaquinha de identificação

Os passeios são essenciais para a saúde e bem-estar do cachorro, desde os de grande até os de pequeno porte. Não é para menos, afinal, trata-se de um exercício físico que ajudam o pet a gastar energia, bem como a viver novas experiências, desestressando o animal.

Durante o passeio, é muito importante que o dono tenha total atenção ao cachorro. Deixe uma plaquinha de identificação em sua coleira, para facilitar encontrá-lo se perdê-lo no caminho. Essa plaquinha deve ter dados do dono, para agilizar o contato.

Gestor de Projetos e Pessoas da WebGo Content. Especialista em SEO e novos Projetos. Formado em Relações Públicas (PUC/PR) e experiência de mais de 10 anos no Marketing Digital.

Participe dos nossos grupos

FacebookEntre para nosso GRUPO!

Faça parte da nossa comunidade de DECORAÇÃO e ORGANIZAÇÃO

Deixe seu comentário