Início » Jardinagem » Tudo o que você PRECISA saber para cuidar de plantas carnívoras; saiba esses detalhes importantes

Tudo o que você PRECISA saber para cuidar de plantas carnívoras; saiba esses detalhes importantes

Quer ter plantas carnívoras em casa? Então, confira aqui tudo o que você precisa saber para cultivá-las corretamente!

As plantas carnívoras têm ganhado fama, mas não é todo mundo que sabe como cultivá-las e quais são os cuidados para mantê-las em perfeito estado.

Esse é o seu caso? Então, confira aqui tudo o que você precisa saber sobre as plantas carnívoras e aproveite para cultivá-las em seu jardim!

Como deve ser o solo para cultivar plantas carnívoras

Tudo o que você PRECISA saber para cuidar de plantas carnívoras; saiba esses detalhes importantes

Recomenda-se que o solo recrie ao máximo o habitat natural dessas plantas. Para ter maior chance de sucesso, a indicação é que faça a correção do solo com um substrato.

O mais utilizado para esse fim é o esfagno, que é uma espécie de musgo capaz de reter água. Ele deve ser misturado a materiais inertes que dão volume, por exemplo, a areia.

Vale lembrar que as plantas carnívoras adquiriram a habilidade de capturar animais pequenos para se alimentar porque o solo em que estavam era pobre em nutrientes. Portanto, reproduzir esse ambiente em seu jardim ajudará na manutenção da planta.

Qual o local ideal para plantar?

Qual o local ideal para plantar?
Qual o local ideal para plantar?

A indicação geral é a de que deixe as plantas em locais do seu jardim que atraiam insetos ao longo dia. Caso cultive no ambiente interno e em vasos, uma dica é deixá-las próximas de uma janela.

Caso perceba que a planta está com dificuldade para atrair insetos, um truque é deixar pequenos pedaços de fruta próximos. Assim, conseguirá atrair alimento para o local.

Participe do nosso canal no WHATSAPP com dicas RÁPIDAS e FÁCEIS para a sua casa. Acesse ~> clicando aqui.

Há quem dê insetos mortos para a planta, mas essa não é a prática mais indicada, pois se corre o risco de utilizar um inseto morto por inseticida. Este produto pode prejudicar a planta carnívora.

Outro cuidado que se deve ter no que se refere à alimentação da planta é não estimular a movimentação das armadilhas (bocas) sem motivo.

A planta carnívora pode morrer se o acionamento desse mecanismo for feito constantemente sem que se tenha alimento, pois esse é um processo que demanda muita energia.

Como devem ser as regas das plantas carnívoras?

Como devem ser as regas das plantas carnívoras
Como devem ser as regas das plantas carnívoras

As regas deve ser frequentes, de preferência todos os dias. A ideia é deixar o musgo sempre úmido, pois a planta precisa desse tipo de ambiente para sobreviver.

Para verificar se há necessidade de água, basta conferir se o musgo está úmido. Caso não esteja, faça a rega como indicado, deixando-o com a umidade necessária.

As plantas carnívoras não toleram o cloro presente na água, por isso se indica que a rega seja feita com água filtrada, mineral ou da chuva.

Plantas carnívoras devem tomar sol?

Plantas carnívoras devem tomar sol
Plantas carnívoras devem tomar sol

Sim, esse tipo de planta precisa tomar sol o dia todo para se fortalecer, mas sempre de maneira indireta. A exposição direta aos raios solares pode matá-la.

Se cultivar em vaso, dá para deixar a planta próxima de uma janela para que receba sol indiretamente. Dê preferência para o sol do começo da manhã ou final da tarde, pois são mais suaves.

Período de dormência da planta carnívora

A maioria das plantas carnívoras têm um período de descanso que é chamado de dormência. Normalmente, ele ocorre no inverno, mas há espécies que descansam no verão.

Durante o período de dormência a indicação é que espace as regas, para evitar o excesso de água no musgo, afinal, a planta não precisa mais de uma grande quantidade dela.

Caso haja excesso de água nesse período, há o risco de apodrecimento das raízes da planta, levando à sua morte. Portanto, procure evitá-lo.

O período de dormência é essencial para que planta volte a crescer com energia redobrada, logo, tente respeitá-lo ao máximo, seguindo a dica de menos regas.

Quando a fase de dormência passa, as plantas voltam com um florescimento vigoroso, o que normalmente acontece na primavera ou no verão.

Troca de vaso da planta carnívora

Troca de vaso da planta carnívora
Troca de vaso da planta carnívora

O replantio para troca de vaso é um dos principais cuidados que se deve ter com a planta carnívora. Ele precisa ser feito quando a planta está grande demais para o vaso e o musgo começa a se decompor.

Durante o processo de transplante, recomenda-se que tenha o máximo cuidado para não danificar as raízes da planta. Algumas possuem raízes muito frágeis e qualquer dano pode prejudicar seu desenvolvimento.

A melhor época de replantio é no início da primavera, que é quando a planta volta a crescer novamente, saindo de seu estado de dormência.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Gestor de Projetos e Pessoas da WebGo Content. Especialista em SEO e novos Projetos. Formado em Relações Públicas (PUC/PR) e experiência de mais de 10 anos no Marketing Digital.

Deixe seu comentário